PRODUTOS

Videoclipe Asè Salamaleiko – Banda N’Zambi

Videoclipe da música Asè Salamaleiko, da N’Zambi.

Mais uma parceria Bamako Produção com a banda N’Zambi, referência da música reggae pernambucana. Fizemos uma produção baseadas nas antigas e novas lutas da negritude, trazendo influências da revolta dos malês e da ocupação Salve o Casarão da Várzea, comunidade de onde a banda surgiu.

O videoclipe retrata as formas de convivência, trocas comerciais, dinâmicas sociais e educativas tradicionais de África, que ainda resistem em solo brasileiro. Ressalta o valor da comunidade, da união e do coletivismo no mundo contemporâneo, tão marcado pelo individualismo e a concorrência em rivalidade.

Realização: Gabriel Muniz Carol Oliveira Douglas Henrique Rodrigo Vieira

Videoclipe Pra Verdade Estremecer – Banda N’Zambi

A banda N’Zambi lançou no final de agosto de 2014 o um videoclipe inspirado na música ‘Pra Verdade Estremecer’, faixa do disco homônimo lançado também 2014. A exibição do clipe, com direção de Gabriel Muniz e fruto de uma parceria com o Cineclube Bamako, foi realizada durante o V Festival de Inverno da Várzea, encontro cultural na Praça da Várzea, Zona Oeste do Recife. O evento contoi com a participação do Som na Rural de Roger de Renor e Nilton Pereira.

O clipe é fruto de uma troca de serviços entre a banda de reggae e o Cineclube Bamako, cujo foco é o cinema africano e a diáspora. “Há dois anos o Cineclube Bamako convidou a gente pra fazer um show no Museu da Abolição, mas eles não tinham como pagar nosso cachê. Então fizemos um acordo de tocar no evento deles e em contrapartida o cineclube produziria um videoclipe nosso. E foi massa porque o clipe veio certinho com o lançamento do disco Pra Verdade Estremecer, que saiu este ano”, comenta George de Souza, vocalista da N’Zambi, lembrando-se da apresentação realizada no dia 15 de setembro de 2012.

A produção do clipe, que teve apoio do Centro de Comunicação e Juventude (CCJ), teve início em março deste ano e acompanhou o roteiro produzido entre a N’Zambi e o Cineclube Bamako. Todas as cenas do vídeo foram captadas em diversas locações do bairro da Várzea e retratam a banda e o protagonista Antônio “Rasta” em situações que deixam claro a viabilidade de deslocamento fluvial em pleno Rio Capibaribe, bem como o contraste urbano em pleno trânsito da cidade. Há também cenas gravadas diante dos graffitis nascidos no último Recifusion, realizado na Praça da Várzea ainda neste ano.

Camisetas do Cineclube Bamako

Camisetas do Cineclube Bamako estão à venda nas nossas sessões. Comprando as nossas camisetas você contribui para as nossas sessões, que são totalmente independentes. Adquira a sua!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em breve mais produtos Bamako!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: